out 30

Acessórios, masculinos e femininos chegam com tudo no próximo inverno, destacando diferentes estilos e muita praticidade.

Tendências do outono/inverno 2010 apontam para bolsas e acessórios como verdadeiros aliados de homens e mulheres diretamente das vitrines e passarelas para o mundo real. Diferentes estilos propõem alternativas para que esses elementos possam ser usados em suas mais amplas formas. A informação é do Exclusivo On-Line.

Read the rest of this entry »

out 20

Na hora de escolher as bolsas femininas, muita gente esquece de um detalhe básico: o  próprio tamanho.

Modelos enormes praticamente soterram as baixinhas. Bolsas femininas minúsculas são desproporcionais para as altas.

O Tamanho

Read the rest of this entry »

out 15

Em 1917, Mitsuyo Maeda, também conhecido como conde Koma, foi enviado ao Brasil em missão diplomática com o objetivo de receber os imigrantes japoneses e fixá-los no país.

Sensei da Academia Kodokan de judô, Maeda ensinou Carlos Gracie em virtude da afinidade com seu pai, Gastão Gracie.

Carlos por sua vez ensinou a seus demais irmãos, em especial a Hélio Gracie. Neste ponto surgem duas teorias.

Read the rest of this entry »

out 13

Gostaria de salientar que hoje em dia, os calçados não podem ser considerados acessórios, ou apenas mais um complemento do vestuário, principalmente no que tange o universo feminino.

Isto tanto é verdade, que as indústrias coureiro/calçadista atribuem como acessórios as bolsas, cintos, carteiras, malas, pastas e outros. Já não é de hoje, que muitas mulheres após comprarem seus calçados, saíam à procura da roupa ideal para compor seu visual.

Read the rest of this entry »

out 13

É impossível parar de usar sacolas plásticas? Talvez não, mas definitivamente elas não são necessárias na maioria das vezes. Afinal como diz o poeta, se a vida não precisa de embalagem, você também não precisa.

Pensemos nas compras em um supermercado. Todos os produtos importantíssimos que compramos, após passarem pelo caixa, ganham uma roupa de gala: uma bela sacola que pode levar até 100 anos para se decompor.

Read the rest of this entry »

out 8

Associada aos primórdios da Revolução Industrial, com a introdução de máquinas e linhas de produção, a indústria têxtil deu o primeiro grande salto no terreno das fibras sintéticas durante a II Guerra Mundial.

A partir de resíduos de petróleo, o pesquisador americano Wallace Carothers inventou a poliamida, a fibra de náilon.

No início, os propósitos eram apenas bélicos. Substituir a seda (caríssima) na fabricação de pára-quedas. Terminada a guerra, o fio de laboratório foi parar no armário dos civis. Particularmente nas pernas das civis, sob a forma das revolucionárias, para a época, meias de náilon.

Read the rest of this entry »

out 8

A história mais divulgada de praticamente todas as artes marciais orientais se insere na mesma tradição lendária da origem do Zen, ao qual se pretende que estas artes marciais estejam ligadas em sua origem:

O Zen teve origem na Índia, através da difusão feita por missionários budistas saídos desta região e, nesta linha, se chega à figura lendária de Bodhidharma, indiano que teria sido o 28º patriarca do Zen, fundador do Mosteiro Shaolin, na China, de onde se teriam originado os estilos do kung fu (Wu Shu), exportados para o resto do Oriente nesta clara tentativa de ligar todas as artes marciais orientais a esta lendária origem comum com a origem do Zen.

Read the rest of this entry »

« Previous Entries