Brasileiros exaltam desempenho no Mundial, mas admitem: faltou o ouro

No desembarque em Guarulhos, parte da delegação já pensa em Londres-2012

No bruto, um bom resultado. A decepção pelo ouro que não veio, no entanto, ficou evidente em parte da delegação brasileira de judô que desembarcou nesta terça-feira em Guarulhos, São Paulo, após o Mundial de Paris. Com cinco medalhas na bagagem (duas de prata e três de bronze), os judocas ressaltaram que o foco principal é nas Olimpíadas de Londres.

- Individualmente, eu esperava um resultado melhor. Acabei levando um golpe em posição nas oitavas de final e perdi. Mas não é reflexo do que foi minha participação. Eu me senti bem. Agora, é continuar fazendo esse trabalho nas outras competições rumo a Londres. Sempre tive grandes concorrentes, isso não me deixa incomodado. Preciso evoluir física e psicologicamente – disse Tiago Camilo, que foi derrotado pelo ucraniano Valentyn Grekov nas oitavas.

Concorrente de Camilo na categoria até 90kg, Hugo Pessanha também reconheceu que esperava um resultado melhor em Paris.

- Fiz uma boa participação, acabei perdendo para o campeão. Deu para tirar algumas lições. Eu medalhei em todas as competições até o Mundial. Mas isso não acabou acontecendo lá. Fiz muita coisa certa, mas algo saiu errado lá. Então, preciso trabalhar – afirmou o judoca.

O técnico da seleção Luiz Shinohara, ressaltou que o Mundial faz parte do trabalho para as Olímpiadas de Londres, no ano que vem.
- A participação no Mundial foi muito boa. Mas, claro, uma medalha de ouro faz toda a diferença. Em termos de quantidade, essa era a expectativa, mas esperávamos uma ou duas medalhas de ouro. Para Londres, a expectativa é muito boa. Estamos fazendo uma preparação intensa há algum tempo. Mas temos de trabalhar muito – afirmou.

Por: João Gabriel Rodrigues

Fonte: http://sportv.globo.com